segunda-feira, 28 de junho de 2010

4º mês em Londres com Paul McCartney

O que pode ser melhor do que assistir ao show de um Beatle em Londres? Eu tive este privilégio ontem. Domingo super quente, perfeito para um show ao ar livre de Paul McCartney.
Cheguei ao Hyde Park por volta das 11h de posse do meu ingresso para do Hard Rock Calling, e na fila conheci duas italianas: Francesca e Federica. Ao longo da tarde conferimos as apresentações de: More Than Me, Joshua Radin, Elvis Costello - com direito ao jogo da Inglaterra X Alemanha em um dos telões -, Crowded House e de Crosby, Stills & Nash.
Sir Paul ficou no palco das 19h41 às 22h30. Que vitalidade, que classe, que charme, que tudo de bom! Chorei com Something, The Long and Winding Road, Yesterday, My Love... Delirei com Live And Let Die, Let It Be, Day Tripper, Get Back, Hey Jude...Ele também cantou várias composições de sua carreira solo, claro.
Assití-lo em Londres foi o melhor presente que eu poderia ter tido em comemoração ao meu 4º mês em solo britânico. Quanto ao balanço do meu último mês, as melhores experiências estão descritas aqui no blog.
Hoje só quero saber de relembrar os grandes momentos deste que foi sem dúvida o melhor show da minha vida. E dentre eles está Live and Let Die:


video

Nenhum comentário:

Postar um comentário